Cerimônia Budista

Este espaço foi preparado especialmente para que você entenda como será nossa cerimônia religiosa, veja só.

BSGI e Budismo de Nitiren Daishonin

Somos associados à BSGI (Brasil Soka Gakkai) que é uma organização não governamental que visa a promoção de valores como a paz e o respeito humano. Sua base filosófica é o Budismo de Nitiren Daishonin.

O budismo mostra o caminho para uma nova vitalidade e uma profunda sabedoria, ensinando que os seres humanos devem inspirar-se a desafiar as dificuldades, transformando-as em felicidade com o desenvolvimento de sua própria força vital. Superar o sofrimento em vez de fugir dele é a atitude que leva à felicidade absoluta.

Não se assuste! A nossa cerimônia será diferente sim, mas muito bonita e emocionante!

Para você não ficar perdido, leia o passo a passo dos acontecimentos:

 

A Cerimônia

Os noivos sentam-se em frente a uma mesa colocada no centro do altar e seus pais e padrinhos ficam em mesas laterais. À frente dos noivos há a mesa do celebrante e o altar dominado pelo Gohonzon, o pergaminho consagrado objeto de devoção budista. No altar são colocadas frutas, como sinal de agradecimento.

  • A Celebrante faz um discurso de abertura e apresenta os sutras e mantras que serão recitados.(Gongyo* e Daimoku**)

*Gongyo é a recitação do capítulo Hoben (Meios) e do trecho Jigague do capítulo Juryo (Revelação da Vida Eterna do Buda), considerados os mais importantes entre os 28 capítulos do Sutra de Lótus.

**Daimoku é o mesmo que recitar Nam-myoho- rengue-kyo, que significa “Devotar a vida – Lei Mística – Causa e Efeito – Eternidade da Vida”, por repetidas vezes. 

Obs: é proibido tirar fotos enquanto o oratório estiver aberto!!!

 

San-San-Kudo

Segue-se a cerimônia do San-San-Kudo, uma tradição milenar japonesa cujo nome significa “três-três-nove vezes”. Três taças são levadas aos noivos, uma de cada vez. Cada taça é usada três vezes: a primeira taça é usada pela noiva, depois pelo noivo, e novamente por ela, vice-versa com a segunda taça, e assim por diante. Os noivos fazem menção de beber duas vezes, e, na terceira, tomam todo o conteúdo. Na cultura japonesa, o número 3 significa boa sorte e o número 9 a aspiração à máxima boa sorte. A primeira taça simboliza gratidão, a segunda juramento, e a terceira o desejo de prosperidade.

 

Brinde e Troca de Alianças

O brinde se repete, incluindo também os pais e padrinhos. Os noivos trocam as alianças em silêncio, e os convidados os parabenizam batendo palmas.

 

Encerramento

  • A cerimônia se encerra com palavras de felicitação do celebrante e com o Daimoku Sansho***

***Daimoku Sansho  é a recitação três vezes do Nam Myoho Rengue Kyo pela felicidade dos Noivos.

Imagem do Local
Casa Buona Buffet
08 de Julho de 2017 às 19:00

Aguardamos vocês nesta cerimônia tão especial


Veja o Local no Google Maps

Digite aqui o endereço de origem para traçar a rota: